terça-feira, 30 de setembro de 2008

O bom do Blog é isso: a gente escreve quando tem vontade. E ultimamente, não tenho muita.

Porque o tempo a gente que escolhe, é questão de prioridade. E, definitivamente, entre terminar a dissertação e mudança, a prioridade passou longe do Blog.

Já os outros que tenho estão abandonados, na sua própria sorte. Até o dia que eu acordar cheia de idéias e vontade e voltar a postar.

E assim vai funcionando esse espaço.

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Saudade é uma merda


Faz a gente escutar Julieta Venegas e se sentir identificado...

Yo te quiero con limón y sal, yo te quiero tal y como estás, no hace falta cambiarte nada, yo te quiero si vienes o si vas, si subes y bajas y no estás seguro de lo que sientes.
Tengo que confesarte ahora
nunca creí en la felicidad a veces algo se le parece, pero es pura casualidad. Luego me vengo a encontrar con tus ojos y me dan algo más solo tenerte cerca siento que vuelvo a empezar.

As 100 maiores músicas dos anos 90

Tá cheio de gente por aí louca pelos anos 80. Aí vai na festa Ploc, compra o jogo (!), almanaque... eu não me identifico com essa década por uma simples razão: eu era criança. Logo, só o lado infantil me traz recordaçãoes.

Já a década de 90... é como se fosse a história da minha vida. Do que eu sou hoje. Excesso de cultura pop, no auge da minha adolescência. Por isso que eu compreo almanaque dos anos 90, que eu fico vendo programas sobre essa época. Porque é quando eu me sinto identificada.

Essa é a lista do VH1 100 greatest songs of the 90's. Discordo (muito) da lista, mas dá uma nostalgia ver tantos clássicos da minha vida juntos... marquei alguns, não necessariamente os que eu gosto, mas os que acho que são a cara dos anos 90. Só uma explicação: a lista foi feita por 60 mil votos. Todos dos yankees, claro, e por isso muitos a gente não se identifica. Mas cara, até a música de Dawson´s Creek tá lá...


1. Nirvana - Smells Like Teen Spirit
2. U2 - One
3. Backstreet Boys - I Want It That Way
4. Whitney Houston - I Will Always Love You
5. Madonna - Vogue
6. Sir Mix-A-Lot - Baby Got Back
7. Britney Spears - ...Baby One More Time
8. TLC - Waterfalls
9. R.E.M. - Losing My Religion
10. Sinéad O'Connor - Nothing Compares 2 U
11. Pearl Jam - Jeremy
12. Alanis Morissette - You Oughta Know
13. Dr. Dre (featuring Snoop Doggy Dogg) - Nuthin' but a "G" Thang
14. Mariah Carey - Vision of Love
15. Red Hot Chili Peppers - Under the Bridge
16. MC Hammer - U Can't Touch This
17. Destiny's Child - Say My Name
18. Metallica - Enter Sandman
19. Beastie Boys - Sabotage
20. Hanson - MMMBop
21. Celine Dion - My Heart Will Go On
22. Beck - Loser
23. Salt-N-Pepa with En Vogue - Whatta Man
24. House of Pain - Jump Around
25. Soundgarden - Black Hole Sun
26. Eminem - My Name Is
27. Counting Crows - Mr. Jones
28. Ricky Martin - Livin' la Vida Loca
29. Vanilla Ice - Ice Ice Baby
30. *NSYNC - Tearin' Up My Heart
31. Radiohead - Creep
32. BLACKstreet - No Diggity
33. Spice Girls - Wannabe
34. Third Eye Blind - Semi-Charmed Life
35. Oasis - Wonderwall
36. C+C Music Factory - Gonna Make You Sweat (Everybody Dance Now)
37. Green Day - Good Riddance (Time of Your Life)
38. Christina Aguilera - Genie In A Bottle
39. Goo Goo Dolls - Iris
40 . Color Me Badd - I Wanna Sex You Up
41. Spin Doctors - Two Princes
42. Collective Soul - Shine
43. En Vogue - My Lovin' (You're Never Gonna Get It)
44. The Fugees - Killing Me Softly With His Song
45. Hootie & the Blowfish - Only Wanna Be With You
46. Shania Twain - You're Still the One
47. Marky Mark and The Funky Bunch - Good Vibrations
48. Matchbox Twenty - 3 AM
49. Jewel - Who Will Save Your Soul
50. Alice in Chains - Man in the Box
51. Tupac (featuring Dr. Dre and Roger Troutman) - California Love
52. Sugar Ray - Fly
53. Naughty by Nature - O.P.P.
54. Joan Osborne - One of Us
55. Fiona Apple - Criminal
56. L.L. Cool J - Mama Said Knock You Out
57. Jay-Z featuring Amil and Ja Rule - Can I Get A...
58. Sophie B. Hawkins - Damn, I Wish I Was Your Lover
59. Weezer - Buddy Holly
60. Bell Biv DeVoe - Poison
61. Sheryl Crow - All I Wanna Do
62. Live - I Alone
63. The Notorious B.I.G. featuring Mase & Puff Daddy - Mo Money Mo Problems
64. The Presidents of the United States of America - Peaches
65. Digital Underground - The Humpty Dance
66. Edwin McCain - I'll Be
67. Deee-Lite - Groove Is In The Heart
68. Will Smith - Gettin' Jiggy Wit It
69. Korn - Freak on a Leash
70. Jamiroquai - Virtual Insanity
71. Arrested Development - Tennessee
72. Barenaked Ladies - One Week
73. Marcy Playground - Sex and Candy
74. Cher - Believe
75. Kris Kross - Jump
76. Blues Traveler - Run-Around
77. Ice Cube - It Was a Good Day
78. Lenny Kravitz - Are You Gonna Go My Way
79. Meredith Brooks - Bitch
80. Right Said Fred - I'm Too Sexy
81. Paula Cole - I Don't Want to Wait
82. Geto Boys - Mind Playing Tricks on Me
83. The Breeders - Cannonball
84. Snow - Informer
85. Cypress Hill - Insane In The Brain
86 The Cranberries - Linger
87. Billy Ray Cyrus - Achy Breaky Heart
88. Duncan Sheik - Barely Breathing
89. Liz Phair - Never Said
90. New Radicals - You Get What You Give
91. Sarah McLachlan - Building a Mystery
92. Public Enemy - 911 Is A Joke
93. Lisa Loeb & Nine Stories - Stay
94. Fastball - The Way
95. Montell Jordan - This is How We Do It
96. Nelson - (Can't Live Without Your) Love and Affection
97. Prince & The New Power Generation - Gett Off
98. EMF - Unbelievable
99. Missy "Misdemeanor" Elliott - The Rain (Supa Dupa Fly)
100. Gerardo - Rico Suave

sábado, 13 de setembro de 2008

"Puse precio a mi libertad... y nadie quiso pagarlo"

  1. Evo Morales tentando controlar a direitada da Bolívia, que agora acha bonito queimar, saquear, boicotar... são todas formas de luta válidas... pra eles. Pobres, nem pensem que na vez de vocês vão aceitar.
  2. Cristininha e seu amiguinho Chávez tendo que se explicar lá no tio Sam sobre aquela mala com 800 mil dólares, do ano passado, que todo mundo achou que ia ser esquecida... mas não foi.
  3. O Brasil ganhando várias medalhas nas Paraolimpíadas, mas ninguém nem aí, porque só importa torcer pra máquinas transformadas por drogas e treinamento sem limites. Descapacitados, o senso comum obriga a apoiar... mas isso não significa torcer.
  4. O Exército no Rio de Janeiro pra tentar garantir paz nas eleições. A Cidade Maravilhosa, mais uma vez, deve mostrar que é como a famosa mulher das piadas machistas: linda, gostosa, espetacular, mas muito, muito burra.
  5. 11 de setembro no Chile, 11 de setembro nos EUA. McCain y Obama juntos.E Bush quase indo embora, sem conseguir tirar a incômoda pedra do seu sapato, aquele lugar chamado Iraque.
  6. O mundo cada dia mais e mais sem sentido...

... e eu só consigo pensar:

JÁ TENHO ENTRADAS PRA VER CALAMARO DIA 05/10!

Esse é o meu grande egoísmo. Tenho vergonha de mim mesma... mas não tiro o sorriso cínico da cara.


Mi vida fuimos a volar
con un solo paracaídas
uno sólo va aquedar
volando a la deriva
vivir así no es vivír
esperando y esperando
porque vivir es jugar
y yo quiero seguir jugando
le dije a mi corazón
sin gloria pero sin pena
no cometas el crimen, varón
si no vas a cumplir la condena
quiero vivir dos veces
para poder olvidarte
quiero llevarte conmigo
y no voy a ninguna parte
no te preocupes, Paloma
hoy no estoy adentro mío
tu amor es mi enfermedad
soy un envase vacío
no te preocupes Paloma
no hay pájaros en el nido
dos ilusiones se irán a volar
pero otras dos han venido
si me olvido de vivir
colgado de sentimiento
voy a vivir para repetir otra vez
este momento
te bajaría del cielo, mujer
la luna hasta tu cama
porque es muy poco de amor
sólo una vez por semana
puse precio a mi libertad
y nadie quiso pagarlo
te cambio tu corazón por el mío
para mirarlo y mirarlo
ampas de gloria, mujer
quiero un pedazo de cielo
para invitarte a dormir
en la cama o en el suelo
un sacrificio ritual bién o mal
yo quiero hacerle a mi estrella
sin principio ni final
no puedo vivir sin ella

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Nosso 11 de setembro

Que lo sepan, que lo oigan, que se lo graben profundamente: dejaré La Moneda cuando cumpla el mandato que el pueblo me diera, defenderé esta revolución chilena y defenderé el Gobierno porque es el mandato que el pueblo me ha entregado. No tengo otra alternativa. Sólo acribillándome a balazos podrán impedir la voluntad que es hacer cumplir el programa del pueblo. Si me asesinan, el pueblo seguirá su ruta, seguirá el camino con la diferencia quizás que las cosas serán mucho más duras, mucho más violentas, porque será una lección objetiva muy clara para las masas de que esta gente no se detiene ante nada. Yo tenía contabilizada esta posibilidad, no la ofrezco ni la facilito. El proceso social no va a desaparecer porque desaparece un dirigente. Podrá demorarse, podrá prolongarse, pero a la postre no podrá detenerse. Compañeros, permanezcan atentos a las informaciones en sus sitios de trabajo, que el compañero Presidente no abandonará a su pueblo ni su sitio de trabajo. Permaneceré aquí en La Moneda inclusive a costa de mi propia vida.


Trecho do último discurso de Salvador Allende, 11/09/1973.

Querido diário,

perdi mais duas horas da minha vida vendo jogo da seleção brasileira. Depois eu reclamo que não termino minha dissertação...

E qual o problema do Lulinha falar que o Messi é o melhor jogador da atualidade? E não é?

O problema, meus queridos, é quando você estuda Ditadura Militar - Copa do Mundo de 1970, auge da repressão no Brasil daqueles tempos sombrios, e escuta o Lula se metendo em futebol, dando pitaco onde não deve, querendo até escalar a seleção. Aí vem aquele frio na espinha ao olhar as reportagens que vão pro anexo da dissertação e associar o Lulinha a essa:



Reconheceu? Ele mesmo, Médici, na sempre tão inspirada Veja.
Paranóia? Sem dúvida. Mas sei lá, né? Longe de mim comparar o Lula com o Médici, por favor! Exatamente pra evitar esse tipo de associação Lulinha podia deixar quieto o assunto futebol, não acham?

Acho que eu devia sair mais de casa e estudar menos...

Aqui na terra tão jogando futebol
Tem muito samba, muito choro e rock'n'roll
Uns dias chove, noutros dias bate sol

Mas o que eu quero é lhe dizer que a coisa aqui tá preta

Muita mutreta pra levar a situação
Que a gente vai levando de teimoso e de pirraça
E a gente vai tomando e também sem a cachaça
Ninguém segura esse rojão

terça-feira, 9 de setembro de 2008

"Entre "no me olvides" ...

hemos crecido y visto el mundo en los diarios
el comunismo resultó complicado
lo tuyo es mío y lo mío es mío
nos ha llevado a la indiferencia
tenés excusas, los otros tienen
que te mantengan para eso están
sos el burgués mas corrompido que existe
y te engañas pensando que sos un hippie
vos explotas a todos y no das nada
y eso es ser el peor capitalista

Andres Calamaro, Pato trabaja en una carnicería

Eu costumo dizer que tenho momentos de crise. Como todo mundo. Os meus acontecem pelo menos umas 2 vezes por ano. A de 2007 foi complicada, precisei até de psicólogo pra sair dela, de verdade. Mas na maioria das vezes elas são inocentes e me ajudam a me pensar, e eu até gosto disso. São típicas crises de "rebeldes sem causa". Me sinto sufocada, acredito menos e menos em qualquer tipo de instituição, e até nas pessoas. Fico bem pessimista, me visto mal (pra algumas pessoas isso é uma constante), como mal, bebo mais café que nunca. E fico andando por aí, só pensando em tudo que eu mudaria se pudesse. E acabo não mudando muita coisa... quer dizer, no mundo, porque em mim, mudo muito.

Tudo isso pra dizer que estou em um desses momentos. E o que eu acho mais interessante das minhas crises é que elas têm trilha sonora. E a da vez é Calamaro.

Andres Calamaro é um cantor argentino de cabelão enrolado, óculos escuro só pra fazer estilo, magrelo e com voz meio rouca. Todo o estilinho que eu gosto de um perfeito rebelde sem causa. Claro, associação direta com Noel Gallagher. Na verdade, desde dele nenhum cantor me deixava tão inquieta e transtornada.

Lá nos meus 14, 15 anos, quando eu era fanática pelo Oasis, ninguém entendia bem o porque. Claro que tinha todo meu lado adolescente por trás, e fui quase uma goupie. Mas essa fixação por um ídolo passou. O que não passou foi essa sensação estranha cada vez que escuto uma música deles. Por mais ridículo que pareça, Noel Gallagher consegue expressar muitas das minhas angústias em suas músicas. Principalmente pelo seu cinismo.

E é isso que eu também encontrei no Calamaro. Essa cara-de-pau, de falar coisas que normalmente não se diz por aí, ainda mais se você quer ser um cantor de sucesso. Afinal, ou você é otimista, ou um deprimido suicida como Kurt Cobain. Mas e as pessoas que, como eu, não olham pro nascer do sol e acham bonito, têm medo de casais que se declaram em público, não agüenta relações grudentas, DETESTA discutir relações, não se importa em dizer pra alguém "tô a fim de você" sem ficar fazendo joguinhos idiotas, pessoas assim, que apenas somos reclamões, mas que não queremos nos matar nem nada parecido. Nós, escutamos Noel Gallagher... e Calamaro!

Não tenho paciência nem pra por fotos nem links... então coloco alguns trechos de músicas.

Adoro como os dois, Noel e Calamaro, não subvalorizam o amor:

¿De qué hablamos cuando hablamos de amor?
¿Por qué cantamos canciones de amor?
Si suena mal y nunca tienen razón,
no se puede vivir del amor.
(...)
Que difícil que es vivir sin amor
pero sin fortuna es mucho peor
lo dijo Pepe por televisor
Calamaro, No se puede vivir del amor

If your leaving will you take me with you,
I’m tired of talking on my phone,
There is one thing I can never give you,
My heart will never be your home
Oasis, Stand by Me
E pra mostrar toda minha contradição...

Flaca,
no me claves tus puñales
por la espalda tan profundo
no me duelen, no me hacen mal
lejos en el centro de la tierra
las raíces del amor
donde estaban quedarán.
Entre "no me olvides"
me dejé nuestros abriles olvidados
en el fondo del placard del cuarto de invitados
eran tiempos dorados, un pasado mejor.
Aunque casi me equivoco y te digo
poco a poco, no me mientas
no me digas la verdad, no te quedes callada
no levantes la voz, ni me pidas perdón.
Aunque casi te confiese que también
he sido un perro compañero
un perro ideal, que aprendió a ladrar
y a volver al hogar para poder comer
Flaca,
no me claves tus puñales
por la espalda tan profundo
no me duelen, no me hacen mal
lejos en el centro de la tierra
las raíces del amor
donde estaban quedarán.






Ps: essa é a postagem 99... será que na 100 o Google me dá um presente? HAHAHAHAHA!

sábado, 6 de setembro de 2008

MPB: o Popular é o culpado?


Fico impressionada com a poesia que pode ser a música brasileira. Como pode um ser escrever algo assim e achar legal que alguém cante?

Sério, lê bem e responde: Alguém ainda acha estranho o Rafael Ilha comer pilha? Rima pobre, minha gente, foi sua escola!


"Dizem que eu sou alucinado... que eu tô batendo pino..." Jura?


Eu sou um carro, ela não guia
- Por favor, dirige. Guia rimava com... pilha.
Sou um cigarro, ela não fuma
- Total apologia, aí o cara come pilha e ninguém entende...
Eu tô na dela, ela tá numa

Eu tô de noite, ela de dia

Eu viro rádio, ela não liga
- Vira rádio? Como assim? Rádio de pilha? Ah, tá...
Eu peço um gesto, ela faz figa

Toco guitarra e bateria, ela só ouve sinfonia.
- ???

Refrão


Ela não liga se estou apaixonado

E nem se toca com a minha fantasia
Se ela soubesse quanto tenho estudado
- Nota-se, pela sua bela escrita
Pra ver se entro lá na sua academia
- Que academia, minha gente? Onde esse povo cresceu? Suspeito que essa letra é do Sarney, e seu grande esforço de entrar na ABL...

Ela não liga se eu pareço desligado

Mas acontece que ela já virou mania

Quando aparece eu já me sinto sorteado

Eu sou o bilhete ela é a loteria
- A frase por si só já é deprimente, mas cara, ela tenta ter nexo com a anterior... dá um desconto.

Ela não liga
Ela não liga

Ela não liga
Ela não liga pra mim


Você não sabe da minha história

Eu tô na sua geografia
- Arrasou! História-Geografia... entendeu?
Eu jogo sempre pela vitória

Ela só joga água fria
- Mas não era que ela nem se tocava, gente? Agora joga até água fria?



Me impressiona como o "Sarney" que escreveu essa belezura não considerou em nenhum momento fazer alguma rima com "liga-ficha-orelhão"...

Agora a gente entende, né?

sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Eu vou!

Acabei de ler no Ego! que o Chico (Chico Buarque, para os não íntimos) ganhou entradas Vips pro show da Madonna e ainda não confirmou se vai.

Se for por falta de companhia, eu não me importo em agüentar a muvuca da Madonna que-não-tem-graça-porque-não-é-mais-puta... até dá pra gente dormir na casa da minha mãe, pertinho do Maracanã, e não ter que se estressar com o trânsito na volta.

Qualquer coisa, é só avisar.













Coisa mais linda

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

APAVORADA!!

Sério, nesse vídeo ela me dá terror!! Como pode??

"Pode enfiar... na bunda?"

MEDO!!

Sério, tenho muito, muito MEDO da Maísa! Como diz um dos caras do CQC (o que minha mãe diz que é bonitão), não é uma criança, é um anão disfarçado de criança.

Má, debochada, cada vez que vejo um vídeo dela no youtube eu tenho mais e mais medo.

E não agüento esse papo de que "pelo menos ela tá ganhando um dinheirinho", não vem, não: esses pais são cruéis. Entregam a filha nas mãos do Silvio Santos, botam essa roupa de boneca e acham bonitinho ela ser má com os outros, ou ficar falando como se fosse adulta.

E a boneca dela? É assustadora!

Para os corajosos, assistam outros vídeos e me digam o que acham.

Dando uma de Regina Duarte: "Eu tenho medo"!



Algumas de suas pérolas:


-Opa! Tô bêbada!
-Pode colocar... na bunda?
-Entendeu? Morô Mano?
-A ligação tá ruim, tá ótima, tá ruim, tá ótima...
-(criança nervosa) Eu já ouvi! Tudo bem!
-(criança nervosaII) Tá bom! Não precisa gritar!
-Alôr???
-A patinha dele é assim. Nossa, que horror!
-Uno, dues, três, quatres...
-Banco Supermiliário que eu amo!
-Porque nossa, não consigo falar...
-Eu sou apresentadora de primeira classe.
-Eu sou louca mesmo!
-Desirée, você é homem ou mulher?"
-Meu querido, Eu era cantôôra! (cara de esnobe)
- Alexandre, fala mais alto! Tá bom! Também não precisa gritar. Fala normal
-Não gostou do prêmio Matheus? Ah tudo bem! -Alôô? (próximo participante)
-Mais animação! Cadê a animação Michel?
- Nossa, dá até dó que você ganhou esse celular. Cê vai ter que deixar ele limpinho por que... Nossa! Não consigo falar
- Preystation? Um Preystation, tudo bem um Preystation!
- Alô? Alozinho? Alooooooooô! Alô, fala criança, por favor meu bem!
- Iiiii, se for eu mamo na mamadeira. Vou admitir, eu mamo tetê. Eu não tenho vergonha de nada.

terça-feira, 2 de setembro de 2008

Top 5 - séries 2007/2008

Adoro um Top 5. Tinha um amigo de Top 5 na faculdade, o Bruno. Trocávamos bilhetes na aula e emails, tema livre. Era o máximo.

Pros leigos, a idéia vem do filme Alta Fidelidade, um dos meus preferidos.

Hoje meu Top 5 é das minhas séries preferidas da temporada 2007/2008. Sintam-se a vontade pra criticar e fazer o de vocês. Merci!

My Boys. A série mais despretensiosa e simples que já vi. E Amei. sempre acho graça, acho que é pela simplicidade, mesmo. Nada mais é do que o dia-a-dia de uma jornalista esportiva e seus muitos amigos homens. Recomendo. Sony, nas segundas, 20h no Brasil e 21h na Argentina


Pushing Daisies. Adoro o surrealismo ao extremo desse programa. A sinopse já é bizarra: um cara que ao tocar os mortos, os revive. Mas se ele tocar novamente, eles morrem pra sempre. E se reviverem por mais de algum minuto, outra coisa do mesmo tipo morre. Digo "tipo" porque ele revive tudo, comida, gente, animais... Amo o estilinho "Amelie" da série. Warner, quinta-feira, 21h

Ugly Betty. Juro que gosto. É tão bizarro, exagerado, que me diverte. No Sony.

The new adventures of old Christine. Sério, dou gargalhadas. É como se a Elaine de Seinfeld tivesse casado, tido filhos e se divorciado. Hilário. Na Warner.

Veronica Mars. Tá, sei que já acabou na terceira temporada, mas só agora eu descobri, e gostei. Detetive adolescente. É isso. Na Argentina passa no I.Sat, no Brasil, nem sei...