quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

Meus programas de nerd


Ontem tive uma tarde do jeito que eu gosto: cinema no museu! Adoro ir ao cinema no Museu da República. Lá não tem fila, nem gente sem noção (normalmente), e o lugar é lindo. Não só porque é um museu -e entre uma sessão e outra eu posso ver exposições-, mas pelo belo jardim do Palácio do Catete. Sair do cinema depois de um bom filme e ficar pensando no que acabamos de ver, passeando pelo jardim... uma delícia.

Mas acho que o que torna esse programa tão bom é que sempre vejo bons filmes. Dessa vez, vi "Vicky Cristina Barcelona" e "Rebobine por favor". Dois filmes que já estão saindo de cartaz e não sei porque demorei tanto pra assistir. E ainda bem que não perdi a oportunidade.

"Vicky Cristina Barcelona" é bom demais. Fiquei ainda mais louca pra conhecer a Espanha, e me identifiquei muito com as personagens e sua relação com o turismo: me vejo em Barcelona passeando encantada, vendo museus, parques, comendo bem... o típico turismo de nerd. Além disso escutei aquele idioma lindo, ri com as cenas bizarras e fiquei pensativa com muita, muita coisa. Não sei se é o filme ideal para uma pessoa com uma vida tão sem rumo como a minha agora (nem me matricular numa disciplina eu consigo)... mas valeu muito a pena.

"Rebobine por favor", é diferente. Ri também, menos, porque o humor é daqueles meio óbvios, mas me identifiquei muito com uma coisa: a crítica às locadoras de DVD. É impressionante como nunca encontramos grandes clássicos, como todas se parecem. São apenas mais um estabelecimento comercial, e não um lugar, digamos, cultural. O filme "alugável", que dá lucro, tem que ter dado dinheiro no cinema. São poucas as que possuem bons filmes antigos... E isso não é só pelo DVD, não. Vários clássicos já estão neste formato e continuam ausentes das prateleiras. Lembrei do dia que tive que ir com uma amiga numa locadora em Copacabana para ela alugar um filme que saiu há menos de 5 anos, mas não era comercial.

Programa recomendado. E a dica: na 4a feira, além do cinema ser mais barato, a entrada nas exposições é gratuita.

2 comentários:

Bruno disse...

Nerd.
E la tem sim gente sem nocao..
sempre tem umas velhinhas chatas q nao calam a boca no cinema...rsrsrs
te amo!!!!

Cristiane A. Fetter disse...

Para com isso, eu adorava ir a este cinema, acho esta sala um charme, sem contar o café que a gente toma nos jardins.
Isso não é coisa de nerd, é coisa mais que ótima de se fazer.
que saudades.
bjks