quarta-feira, 2 de dezembro de 2009

O Rio de Janeiro é maravilhoso pra quem?

Ele estava sujo, descalço, descabelado e sem dentes. A imagem típico de um mendigo. Mas com um imenso sorriso no rosto: "Eu sempre quis saber como era tocar num negócio desses".

Vi ontem, quando passei por uma loja de eletrodomésticos numa rua. O mendigo tocava um teclado de computador. Feliz. Apertava as teclas e sorria. O computador estava desligado, ele nem via o efeito do seu ato. Mas estava feliz.

Isso num bairro de classe média alta no Rio de Janeiro. Isso se chama desigualdade social.

terça-feira, 1 de dezembro de 2009

Viajando e cantando

No domingo 01/11 decidimos pegar nosso super carro alugado e ir de Bariloche a San Martín de los Andes, pelo caminho dos 7 lagos. Já começamos bem, errando o caminho e parando na fronteira chilena.

Depois encaramos uma estrada de terra BIZARRA, mas nosso amado Peugeot aguentou firme, e fomos até o final.

O caminho é mesmo um perrengue. Mas faria de novo todas as vezes que pudesse. A paisagem é inexplicavelmente linda. E fazer essa viagem bem acompanhada dá outro sentido à tudo que vimos.

Minha mamy emocionada, quase chorando no Lago Espejado, e todos cantando ao som de Calamro e de Juli (pra nós, intimos) Venegas.

Porque nós só tínhamos 3CDs: Calamaro cantando tango, Uma seleção de melhores do Calamaro e o Acústico da Juli. Todos meus, claro. E mamy acompanhava Calamaro com a letra, toda feliz, todos cantando juntos:

"No te preocupes Palomaaaaaaaaaaaaaaa"

Felizes.

Mas a descoberta musical da viagem foi essa música linda com a participação da Mairsa Monte, no acústico da Juli. A voz da Marisa quase oculta a da Juli, mas a música é lindinha demais.

Assistam aqui, vale a pena (o blog não quer ajudar e não consigo subir aqui).


Combina com essa paisagem, não?